4 problemas de voo mais comuns: como resolvê-los e quais os direitos do passageiro - Indenizei 4 problemas de voo mais comuns: como resolvê-los e quais os direitos do passageiro - Indenizei

Na última década, houve um grande aumento no número de voos realizados. O medo de viajar de avião ficou no passado e cada vez mais, as pessoas têm aderido esse meio de transporte. Com isso, a incidência de problemas de voo com as companhias aéreas também cresceu.

Apesar da possibilidade de ocorrer imprevistos que podem vir a atrapalhar o plano de viagem, a maioria das pessoas não se deixam abater e não abrem mão dessa experiência enriquecedora de se aventurar para novos destinos.

No entanto, é essencial ser um viajante bem-informado(a). Pensando nisso, listamos os 4 problemas de voo mais comuns para o seu conhecimento e caso aconteça com você, saiba como lidar com a situação.

Conheça os 4 problemas de voo mais comuns

Uma das situações mais frustrantes é planejar uma viagem, preparar a mala, fazer todos os preparativos e ao chegar no aeroporto saber que houve um problema aéreo.

Nesse sentido, mesmo com todo planejamento, existem fatores que fogem do controle do(a) viajante, como as condições meteorológicas, o congestionamento do tráfego aéreo, as manutenções e os reparos na aeronave de última hora.

Estar preparado(a), sabendo como agir quando ocorre um problema aéreo é muito importante para não sair prejudicado(a) da situação. Confira abaixo os principais problemas de voo.

1. Cancelamento de voo 

Um dos problemas de voo com maior recorrência é o cancelamento. De antemão, o passageiro(a) tem assegurado o direito à informação, que consiste no acesso ao motivo do voo cancelado.

Segundo as normas previstas pela ANAC (Agência Nacional de Viação Civil), as companhias aéreas têm o dever de oferecer alternativas para solucionar os problemas de voo dos seus passageiros.

Contudo, quando há voo cancelado a companhia aérea pode propor:

  • reembolso do valor integral do valor pago na passagem, se o cancelamento de voo tiver sido informado com antecedência mínima de 72 horas;
  • realocação do passageiro no próximo voo para o destino desejado, podendo ser em aeronave da mesma ou de outra companhia aérea, sem nenhum custo adicional e com assistência material conforme tempo de espera;
  • remarcação da passagem para outra data e horário, conforme desejo do passageiro;
  • compensação financeira, caso o cancelamento de voo tenha sido comunicado com menos de 72 horas de antecedência do horário da viagem.

2. Atraso de voo 

O atraso de voo é um dos problemas de voo que acontecem com frequência. E se o passageiro estiver com um compromisso marcado assim que chegar ao destino, contando com a pontualidade da companhia aérea, é possível que os planos sejam impactados.

Por isso, é indicado comprar passagens com uma margem de horas antes da primeira programação da viagem. Vale lembrar que se ocorrer atraso de voo, você tem direito a assistência material. Confira:

  • até uma hora de espera: deve ser oferecido meios de comunicação como acesso à internet e ligação telefônica;
  • até duas horas de espera: a empresa aérea deve disponibilizar vouchers para alimentação ou reembolsar o valor gasto pelo passageiro;
  • mais de quatro horas de espera: deve ser fornecido acomodação ou hospedagem, além de transporte até o hotel.

Entretanto, se a companhia aérea não cumprir essas obrigações definidas pela ANAC, o passageiro poderá entrar com um pedido de indenização pela situação frustrante vivenciada que impactou o planejamento da viagem. 

Seja compensado por seu problema de voo.

3. Overbooking

Em épocas de alta temporada de alguns destinos e também períodos de férias e feriados prolongados, o overbooking é um dos problemas de voo mais enfrentados pelos passageiros.

Em outras palavras, “overbooking” consiste em “embarque negado”. Esse problema aéreo acontece quando a empresa vende mais passagens do que o avião comporta, assim não é viável o embarque de todos os passageiros.

Essa é uma prática comum para evitar prejuízo por um voo decolar com muitos assentos livres. Mas na alta temporada, provoca lotação do voo e insatisfação para os viajantes que não conseguem embarcar.

Logo, se você sofrer overbooking, vá até o balcão de atendimento da empresa e peça o relatório de contingência que registra a situação. A companhia aérea deve oferecer realocação em outra aeronave para o mesmo destino, mesmo que seja de outra empresa. Lembrando que não deve haver nenhuma cobrança adicional.

No entanto, se a proposta de solução não for favorável ou não seja bem tratado(a), é recomendado registrar uma reclamação na ANAC e fazer uma avaliação gratuita com um especialista da Indenizei.com para verificar a possibilidade de indenização.

4. Remarcação e alteração de voo

Quando pensamos em viajar, comprar a passagem é uma das primeiras tarefas que fazemos do planejamento e também para reservar o assento com uma boa localização, podendo ser perto da janela ou corredor.

No entanto, uma notificação de voo alterado dias antes ou horas antes da viagem, pode acontecer. É importante saber que a companhia aérea pode remarcar o voo, mas deve avisar com antecedência mínima de 72 horas.

A permissão da ANAC para alteração de voo pela companhia aérea é para situações com problemas técnicos na aeronave, pandemias, epidemias e questões climáticas.

Portanto, se a remarcação ocorrer sem respeitar essas normas, como o aviso prévio, o passageiro pode recorrer aos seus direitos enquanto consumidor e  receber uma indenização. Fique atento(a) pois, essa situação está entre os principais problemas de voo.

Tive um problema aéreo na viagem. E agora, como resolver?

Se você vivenciou problemas de voo em uma viagem recente ou nos últimos dois anos, é possível avaliar o caso com um especialista em direito do consumidor da Indenizei.com, sem nenhum custo.

Embora muitas pessoas imaginem que reivindicar direitos seja complicado, burocrático e demorado, a realidade não é bem assim. Com suporte e orientação de nossos especialistas, a resolução do seu problema aéreo acontece de forma ágil e eficaz. Nós cuidamos de toda a parte burocrática.

Pronto(a) para reivindicar seus direitos? Conte o seu caso de problema de voo pra gente em uma avaliação gratuita e descubra se pode receber uma indenização. Nós estamos a disposição para te ajudar!

Direitos que todo viajante tem e não sabe.

Agora, você é um(a) viajante preparado(a) para desbravar o mundo e se ocorrer um desses problemas de voo, irá saber lidar da melhor forma. Fique por dentro do universo de viagens e do consumidor, confira o nosso blog.

Indenizei.com

A Indenizei está no mercado desde 2020 e já ajudou mais de 1.500 pessoas que tiveram problemas com voo. Foram atrasos, cancelamentos, remarcações, overbooking e muito mais. Não deixe de buscar pelos seus direitos! ✈️ Indenizei: aqui a indenização voa até você.

Indenizei.com

Indenizei.com

A Indenizei está no mercado desde 2020 e já ajudou mais de 1.500 pessoas que tiveram problemas com voo. Foram atrasos, cancelamentos, remarcações, overbooking e muito mais. Não deixe de buscar pelos seus direitos! ✈️ Indenizei: aqui a indenização voa até você.

Deixe um Comentário

Optimized with PageSpeed Ninja